Esclarecimentos sobre o Bairro do Pinheiro

Comprometida na busca da solução definitiva

 

A Braskem tomou conhecimento do laudo síntese apresentado no dia 8 de maio pelo Serviço Geológico do Brasil (CPRM) sobre os eventos ocorridos no bairro do Pinheiro, em Maceió, em Alagoas. De acordo com o relatório nº 1 da CPRM, as causas do aparecimento de fissuras e rachaduras no bairro do Pinheiro se devem à extração de sal cujo problema é agravado pelo aumento da infiltração de água de chuva no terreno.

Em função dos desdobramentos decorrentes da divulgação deste laudo, de forma preventiva e seguindo os padrões de segurança aplicáveis, no dia 9 de maio, a Braskem paralisou a atividade de extração de sal e, na sequência, as fábricas de cloro-soda e dicloretano em Maceió.

As plantas de PVC de Alagoas e Bahia permanecem operando com matéria-prima importada (EDC). Nesse período, a Braskem permanecerá importando soda cáustica para suprir o mercado utilizando sua estrutura de logística e terminais ao longo da costa brasileira. A planta de cloro-soda da Bahia permanecerá em operação normal utilizando sal comprado no mercado.

 

Identificação das causas

Na questão da identificação das causas que afetam o bairro e a região do Mutange a o Bebedouro, a Braskem só teve acesso ao relatório com os anexos da CPRM no dia 21 de maio, mas ainda faltando os dados brutos dos estudos que embasaram o relatório. Foi possível iniciar as primeiras análises mais detalhadas do seu conteúdo e de suas conclusões. Em paralelo, a Braskem vem realizando uma série de estudos geológicos na região com apoio de especialistas no sentido de identificar as causas dos fenômenos que têm impactado o bairro. Essa etapa é importante pois, a partir de um diagnóstico correto, será possível entender quais as soluções definitivas devem ser aplicadas para o bairro e a região.

Desde o abalo sísmico em março de 2018 que atingiu a região de Maceió com reflexos no bairro do Pinheiro, a Braskem vem colaborando com as autoridades na identificação das causas e informando com transparência e responsabilidade os estudos realizados por empresas de renome internacional.

Ainda em abril, a Braskem deu início à implementação de soluções emergenciais de curto prazo. De forma voluntaria, a empresa já vem executando uma série de medidas no bairro a fim de evitar o agravamento da situação frente ao ciclo chuvoso e com vistas a proteger a segurança das pessoas.

Essas iniciativas incluem a inspeção e reparos dos sistemas subterrâneos de drenagem de água pluvial, a instalação de estação meteorológica , a colocação de equipamentos de GPS de alta precisão para detecção da movimentação do solo, a recuperação da pavimentação de vias e a revisão de estrutura de edificações críticas, entre outras medidas.

Outras ações emergenciais voluntárias estão sendo avaliadas em conjunto com as autoridades locais no sentido de preservar a segurança das pessoas do bairro.

A Braskem tem compromisso com a segurança das pessoas, tanto de seus Integrantes quanto das comunidades em que atua, e analisará juntamente com as autoridades a melhor orientação sobre suas operações locais. A empresa possui laços com Alagoas há mais de quatro décadas e mantém seu compromisso inegociável com a sociedade alagoana.

 

Últimas Noticias

Ver mais

Vídeos em Destaque

Ver mais

Fale conosco

A Braskem tem o compromisso social de envolver transparência em suas ações e um diálogo constante com a sociedade.

Para entrar em contato conosco, preencha o formulário ao lado.